Máscara será obrigatória em ônibus da EMTU a partir de segunda

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse nesta quarta-feira (29) que o uso de máscaras será obrigatório a partir da próxima segunda (4) para passageiros do transporte público regido por órgão estaduais além de táxis e veículos de aplicativos (Uber, 99 e Cabify, por exemplo).

A medida é mais uma no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus no Estado.

O decreto estadual editado pelo governador vale para o Metrô, trens da CPTM (Companhia Paulista de Transporte Metropolitanos) e ônibus da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), que atende a região de Campinas.

Na cidade, as concessionárias que operam o sistema de transporte público municipal já adotaram o uso de máscaras nos motoristas. Para passageiros, no entanto, a obrigação ainda não foi adotada.

Ainda é frequente também a reclamação de usuários de ônibus lotados, com a redução de linhas e veículos, e passageiros aglomerados e sem máscaras, o que favorece a contaminação pelo novo coronavírus.

MULTA

No caso dos táxis e veículos por aplicativo, Doria afirmou que motoristas estão autorizados a recusar viagens de passageiros sem máscara, e que transportar um passageiro sem máscara será considerado infração de trânsito. “Eles (os motoristas) serão multados”, disse Doria. No entanto, para valer em Campinas, a medida também depende de regulamentação municipal.

“É uma medida de proteção à saúde e à vida para quem depende do transporte público para se locomover todos os dias”, disse Alexandre Baldin, secretário de transportes metropolitanos.

Fonte: Cidade On

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *